“A formação, realizada entre os dias 22 e 26 de abril, apresentou atividades lúdicas e criativas para a mediação de leitura, aproveitando o acervo literário doado ao município para as ações de incentivo à leitura nas escolas”

Acolhidos numa sala repleta de paletes coloridos, com livros dispostos em fácil acesso, ao lado de uma linda árvore literária, os educadores de Cerro Corá/RN, receberam entre os dias 22 e 26 de abril, uma semana intensa de formação em mediação de leitura, envolvendo desde conhecimentos técnicos de organização da biblioteca e catalogação dos livros, até atividades dinâmicas com contação de histórias, teatro de sombras, apresentações com fantoches e produções textuais com poemas e poesias, que foram declamados e expostos ainda durante a programação.

A oficina, realizada em uma iniciativa da Echoenergia, com realização do Instituto Brasil Solidário, conseguiu reunir mais de 70 participantes, incluindo desde coordenadores pedagógicos, técnicos da Secretaria de Educação, professores da educação infantil e do fundamental I e II, até gestores da biblioteca pública municipal Vivaldo Pereira e representantes do CRAS de Cerro Corá.

Durante toda a semana, o conteúdo foi trabalhado buscando apresentar ações de incentivo à leitura que podem ser desenvolvidos para além da sala de aula, aproveitando o próprio acervo literário de mais de 100 livros doados para a biblioteca do município, já garantindo um material de apoio para os educadores da rede pública de ensino da região. O resultado pôde ser visto ainda durante a semana de formação, com escolas multiplicando não só o formato lúdico dos espaços literários, como também os projetos de leitura, como o 30 Minutos pela Leitura, fazendo dos corredores, do pátio, das áreas abertas da escola, um mundo de oportunidades para atrair os alunos a despertarem o interesse pela literatura.

Segundo a educadora Maria das Graças Severiano, que atua com um projeto de leitura na Biblioteca Maria Eugenia de Sousa, a formação surgiu como uma inspiração para o trabalho realizado tanto nas escolas, como dentro das bibliotecas municipais. “A oficina foi maravilhosa, tudo que foi repassado na formação vai me auxiliar demais no projeto de leitura que desenvolvo na biblioteca, foi muito enriquecedor para nossas atividades, nós conhecemos várias atividades dinâmicas e criativas, com certeza, todos aqui serão um multiplicador das técnicas de leitura que foram apresentadas”, disse Graça.

Para a professora Cícera Fernandes, educadora da Escola Manoel Belmino dos Santos, o momento permitiu reascender novas ideias para as atividades de leitura, permitindo inovar nas dinâmicas e na interação com os alunos em sala de aula. “Essa formação foi de grande aprendizado, coisas que estavam adormecidas, fluíram novamente no meu pensamento, no meu jeito de pensar a poesia, os versos, as rimas, a contação de história, que é muito presente em nossa sala de aula, porém, precisa ser adaptada, ser renovada, então se eu já trabalhava a contação de histórias, a poesia, agora é que realmente eu vou trabalhar com mais gosto, com mais intensidade, com mais vontade”, ressaltou a professora.

Compartilhe nas redes sociais

Conheça os Ativos da Echoenergia

CE RN PE BA

Centro de operação da geração (COG)

São Paulo

Referência em inovação tecnológica no setor, o COG monitora 24x7 todas as
atividades de operação dos empreendimentos eólicos da Echoenergia

Saiba mais