As máscaras de tecido tem sido uma forte aliada das medidas de prevenção à COVID-19, mas sua fabricação também exige cuidados importantes para a entrega de um produto higienizado, que desde a compra do tecido precisa atender todas as normas de segurança e saúde recomendadas pela OMS – Organização Mundial de Saúde.

Esses cuidados tem sido uma prioridade para as mulheres da Oficina de Corte e Costura, do Projeto Ventos que Transformam, em Tianguá/CE, que desde as primeiras encomendas, tem se preocupado com cada etapa de higienização do tecido até a entrega do produto final para a comunidade.

Até o mês de junho, a turma conseguiu somar mais de 800 máscaras vendidas para os moradores da região e com procura frequente de clientes das cidades vizinhas. As encomendas vieram também diretamente da empresa Echoenergia, que garantiu a compra de 90 máscaras de proteção para os seus colaboradores. “As máscaras serão entregues aos colaboradores de todas as plantas, não só em Tianguá, mas atendendo as regiões do Rio Grande do Norte, Pernambuco e Bahia”, ressaltou, Thamara Gomes, Analista Social.

Contando com o apoio e as orientações da artesã Levina Borges, que esteve à frente da oficina realizada na região, as medidas de higienização das máscaras, tem sido uma rotina frequente para a turma da formação, que tem seguindo os mesmos protocolos desde o primeiro contato com o tecido.

Segundo a costureira Cleidiane Barbosa, os tecidos são lavados com álcool e passados no ferro quente para só depois serem cortados e encaminhados para a parte de costura.

“Além de lavarmos o tecido antes de começar a costurar, depois da máscara finalizada, nós passamos novamente o ferro e colocamos dentro de um saquinho plástico que é vedado. Os clientes recebem as máscaras dentro de uma bolsinha, nós produzimos em tamanhos diferentes, P, M e G, já para não precisar que os clientes fiquem pegando nas máscaras, elas são entregues dentro do saquinho”, explica a costureira.

O recurso arrecadado com as vendas, tem ajudado o grupo de mulheres da Oficina com uma renda extra para as famílias, além da reposição dos materiais, que teve auxílio de estoque já doado pelo projeto, com tecidos que ainda estão sendo utilizados na produção das máscaras.

 

 

Compartilhe nas redes sociais

Conheça os Ativos da Echoenergia

CE RN PE BA

Centro de operação da geração (COG)

São Paulo

Referência em inovação tecnológica no setor, o COG monitora 24x7 todas as
atividades de operação dos empreendimentos eólicos da Echoenergia

Saiba mais