17/01/2018

Echoenergia apresenta novos parques eólicos

Iniciativa marca chegada da empresa ao RN

A Echoenergia acaba de ampliar seu portfólio de empreendimentos. Os Parques Eólicos Pedra Rajada I e Pedra Rajada II, localizados no município de Cerro Corá, no Rio Grande do Norte, e já em plena operação comercial. Juntos, esses parques somam 11 KM de extensão, 20 aerogeradores de alta tecnologia e potência instalada de 40 MW (megawatts), energia suficiente para abastecer uma cidade de aproximadamente 50 mil habitantes.

Além de produzir energia limpa e sustentável, a empresa prioriza o desenvolvimento social e ambiental nas comunidades onde atua. Investimentos voluntários de benfeitoria já estão sendo implantados na cidade de Cerro Corá como a pavimentação de vias importantes na cidade. Até julho de 2018, a companhia definirá seu plano de ação social e ambiental na região, mapeadas com o apoio de entidades e do poder público. As ações devem ter início no último trimestre deste ano.

Com os novos empreendimentos, a Echoenergia já se destaca com 386 MW implantados. A empresa está presente em Pernambuco, com o Complexo Eólico Ventos de São Clemente – maior empreendimento eólico do estado com potência instalada de 216 MW – e no Ceará, com o Complexo Eólico Ventos de Tianguá, que conta com 130 MW de potência instalada.

A companhia segue firme com seu propósito de gerar novos caminhos por meio da produção de energia elétrica a partir de fontes renováveis com respeito ao meio ambiente e princípios de gestão que se distinguem pela alta tecnologia, saúde, segurança e qualificação profissional.

Maior produtor de energia eólica do Brasil

O Rio Grande do Norte é atualmente destaque no mercado de energia eólica como maior produtor dessa fonte no país. O estado possui ventos de grande qualidade e, por esta razão, a maior potência instalada em operação comercial: 3.446,9 MW, segundo dados da ABEEólica (Associação Brasileira de Energia Eólica).