06/11/2019

Pernambuco recebe programa social da Echoenergia

Oficina com foco no bioma caatinga envolve Comunidade

As ações do Programa Echosocial Ventos que Transformam já tiveram início em Pernambuco. No último mês, os municípios de Caetés e Capoeiras receberam uma oficina sobre o uso sustentável dos recursos naturais e conservação da caatinga no semiárido. Mais de 50 moradores das comunidades participaram da ação, que teve como objetivo a conscientização das famílias e lideranças locais sobre o uso e conservação dos recursos naturais do bioma.

“Foi bom ver uma palestra com explicações sobre o que é a caatinga e o porquê temos que fazer plantações na área”, afirma a presidente da Associação Comunitária de Laguinha, Suzana dos Santos. A partir de trabalhos lúdicos, os participantes construíram um mapa de ocupação da caatinga, com a finalidade de visualizarem a abrangência do bioma no país.

Foi realizada também a exposição e troca de sementes crioulas de espécies vegetais nativas e hortaliças ressaltando o princípio da biodiversidade, diversificação produtiva e manejo adequado dos recursos naturais. A ideia é promover o conhecimento de práticas que podem ser desenvolvidas por cada um em sua propriedade.

As oficinas fazem parte das atividades do Projeto Segurança Hídrica, executado pela Agência de Desenvolvimento Econômico Local (Adel), em parceria com o Programa Echosocial Ventos que Transformam, da Echoenergia. O foco da iniciativa, que contribui com o desenvolvimento local dos territórios do entorno dos complexos eólicos da empresa, é gerar impactos sociais, econômicos, ambientais e educacionais positivos.

Ao todo, 17 comunidades rurais localizadas no entorno do Complexo Eólico Ventos de São Clemente serão beneficiadas com o projeto. As atividades incluem a área de segurança hídrica e educacional e foram definidas após a realização de um diagnóstico que contou com a participação de moradores das próprias comunidades.